Alupar capta R$ 715 milhões com debêntures para projeto na Bahia

Linha de transmissão aumentará a capacidade da interligação Nordeste – Sudeste

A Alupar informou ao mercado que concluiu a captação de recursos de longo prazo para sua controlada Empresa de Transmissão Baiana (ETB), através da emissão de debêntures simples. No total, foram captados R$ 715 milhões, com vencimento em 15 de fevereiro de 2029, ao custo de NTNB28 + 0,60% (IPCA + 5,3382%).

A ETB é responsável pela implementação e exploração da linha de transmissão Juazeiro III – Ourolândia II, em 500 kV, com extensão aproximada de 186 km; e pela linha Bom Jesus da Lapa II – Gentio do Ouro II, em 500 kV, com extensão aproximada de 260 km, localizados no estado da Bahia.

Os benefícios que a ETB trará serão reforços para aumento da capacidade de transmissão da interligação Nordeste – Sudeste, visando o adequado escoamento dos atuais e futuros empreendimentos de geração previstos para serem implantados na região Nordeste, com prazo de implementação até 27 de junho de 2020.

“Mais uma vez, a Alupar reforça sua estratégia de buscar fontes competitivas de financiamento, além de reafirmar sua diligência financeira, visando sempre os melhores retornos para os projetos”, finaliza o comunicado publicado na última quinta-feira, 27 de dezembro.