Copel Distribuição registra crescimento de mercado de 5,1% no 1º trimestre

Resultado reflete aumentos de 4,7% no consumo do mercado cativo e de 5,8% no mercado livre entre janeiro e março

A Copel Distribuição encerrou o primeiro trimestre do ano registrando vendas totais de 7.896 GWh no primeiro trimestre do ano, um salto de 5,1% na comparação com o mesmo período de 2018. O volume engloba tanto o fornecimento ao mercado cativo quanto a concessionárias, permissionárias e consumidores livres atendidos pela estatal. O resultado reflete os aumentos de 4,7% no consumo do mercado cativo e de 5,8% no mercado livre, ambos observados entre janeiro e março. O número de consumidores totais da empresa cresceu 1,7% no trimestre, totalizando pouco mais de 4,65 milhões de unidades.

No caso do mercado cativo, as vendas nos três primeiros meses do ano fecharam em 5.246 GWh, representando um crescimento de 4,7% na comparação com o mesmo período do ano passado. O resultado reflete aumentos de 8,1% e 6,9% respectivamente nos segmentos residencial e comercial, que compensaram a queda de 7,3% na classe industrial. A variação média acima de 10% nas temperaturas nos meses de janeiro e fevereiro contribuiu especialmente para o resultado nas residências, elevando o consumo médio mensal de 166 kWh/mês em 2018 para 176 kWh/mês em 2019.

O aumento de 5,8% nas vendas do mercado livre é resultado da melhora da produção industrial do Paraná, com crescimento de 9,8% e 10,8% em janeiro e fevereiro, respectivamente, na comparação com 2018. Os setores que mais contribuíram para o aumento do consumo no ambiente livre foram os de fabricação, de produtos alimentícios, de produtos químicos e de bebidas. Já o total de energia elétrica vendida pela Copel – composto pelas vendas da Copel Distribuição, da Copel Geração e Transmissão, dos Complexos Eólicos e da Copel Comercialização – atingiu 12.183 GWh, um crescimento de 13,0%.