ANA promove primeira reunião da Sala de Crise da Região Sul

Encontro em Brasilia teve a participação de órgãos federais e estaduais

A Agência Nacional de Águas reuniu na última segunda-feira (9) representantes de órgãos federais e estaduais, no primeiro encontro da Sala de Crise da Região Sul. O sala coordenada pela ANA vai monitorar as condições hidrometeorológicas da região e discutir medidas de atenuação dos impactos da seca que atinge os estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná nos últimos meses e afeta o nível dos reservatórios das principais bacias da região.

O acompanhamento da crise hídrica no Sul do país foi discutido na reunião mensal do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico, realizada no ultimo dia 4 de março. A reunião de hoje da ANA teve a participação da Casa Civil da Presidência da República; do Operador Nacional do Sistema Elétrico; dos ministérios do Desenvolvimento Regional, de Minas e Energia e do Meio Ambiente; Agência Nacional de Energia Elétrica; do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais; do Instituto das Águas do Paraná ; das do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo do Paraná , do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Rio Grande do Sul e do Desenvolvimento Econômico Sustentável de Santa Catarina; além do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente dos Recursos Naturais Renováveis.

O CMSE autorizou na semana passada a adoção de medidas excepcionais para a recuperação dos reservatórios das hidrelétricas, a partir da semana operativa iniciada no ultimo sábado, 7. Elas incluem o aumento do intercâmbio de energia e o despacho de energia complementar da termelétrica Araucária, da Copel, e a importação de energia da Argentina ou do Uruguai.

De acordo com o ONS, o volume de chuvas nas bacias dos rios Jacuí, Uruguai e Iguaçu ficou abaixo da média histórica em fevereiro, e o mês fechou com armazenamento equivalente de 20,5%. Para março, a previsão é de que o nível dos reservatórios atinja 29,9% no fim do mês. A situação vai ser avaliada semanalmente pelo CMSE.