Covid-19: Siemens Gamesa põe 200 funcionários em home office

Decisão afeta empregados de São Paulo e Bahia; quarentena será de 12 a 26 de março

A fabricante de turbinas eólicas colocou em regime de home office cerca de 200 funcionários no Brasil, entre próprios e terceirizados, após confirmado um caso de coronavírus no edifício onde a empresa tem escritório em São Paulo. A pessoa infectada é de outro andar que não o da corporação, porém, por precaução a companhia decidiu colocar os funcionários em quarentena, que também afeta a equipe de Camaçari, na Bahia, município onde está instalada a unidade fabril.

“Devido a um caso confirmado de Covid-19 no Eldorado Business Tower, prédio onde está localizado o escritório da Siemens Gamesa, em São Paulo, a empresa decidiu declarar quarentena preventiva. Todos os funcionários do escritório de São Paulo trabalharão de casa, de 12 a 26 de março. A quarentena também se aplica ao pessoal de Camaçari e dos parques eólicos que visitaram o escritório desde segunda-feira, 3 de março. Durante este período de 14 dias, a situação será continuamente reavaliada e se necessário, o período será prolongado”, confirmou a companhia, em nota enviada à reportagem.