Primeira hidrelétrica construída no Brasil deixa de operar para o SIN

Despacho da Aneel suspende operação comercial da usina Marmelos, que também é reconhecida como primeira UHE a ser construída na América do Sul

Construída em 1889 na cidade de Juiz de Fora (MG), a primeira hidrelétrica brasileira e da América do Sul deixou de gerar energia para o Sistema Interligado Nacional (SIN) nessa quinta-feira, 2 de abril, conforme o despacho nº 928 publicado pela Aneel no Diário Oficial da União. Comprada pela Cemig em 1980, o Complexo Hidroelétrico de Marmelos passou por sucessivas expansões devido à crescente demanda, e até então funcionava gerando 4,8 MW ao sistema, através de cinco turbinas.

Segundo o processo realizado pela superintendência fiscalizadora dos Serviços de Geração do órgão regulador, a usina perdeu sua condição operacional após um vazamento nos condutos forçados das unidades geradoras 1, 2 e 5 no dia 20 de janeiro deste ano, com as obras de reparo dos trechos deteriorados impedindo a operação das cinco turbinas. A entidade baseou sua decisão nas prerrogativas de falta de requisitos exigidos e pela indisponibilidade não enquadrada na previsão dos índices de referência utilizados para o cálculo da garantia física.