Covid-19: Copel vai doar R$ 5 mi e EDP seleciona mais 12 projetos sociais

Elétricas seguem anunciando ações para minimizar impactos da pandemia nas regiões onde atuam. Neoenergia cadastra 240 mil na Tarifa Social em abril e CPFL tem aplicativo com navegação gratuita

A Copel anunciou nessa terça-feira, 12 de maio, que irá destinar até R$ 5 milhões para aquisição de testes de identificação da Covid-19 ao Instituto de Biologia Molecular do Paraná – IBMP e de máscaras cirúrgicas ou do tipo N95 para a Fundação da Universidade Federal do Paraná – Funpar. A decisão foi aprovada durante reunião do Conselho de Administração da companhia na última segunda-feira (11).

Na oportunidade, o Conselho também deu aval para início da Campanha Fatura Solidária, que prevê o direcionamento de recursos para compra de bens com objetivo de combater o avanço do vírus. A doação acontecerá pelo valor de até R$ 5 por unidade consumidora que aderir simultaneamente ao débito automático e à fatura digital, sendo R$ 3 provenientes da adesão ao débito e R$ 2 da fatura digitalizada. Os procedimentos para a operacionalização serão formalizados posteriormente, informou a distribuidora paranaense.

Já a EDP selecionou mais 12 projetos de saúde e empreendedorismo social para atenuar os efeitos da crise, direcionando R$ 1 milhão pela segunda fase do edital EDP Solidária, que visa beneficiar cerca de 20 mil pessoas nessa etapa. Ao todo, o programa doou R$ 2,5 milhões a iniciativas de enfrentamento da pandemia em comunidades carentes e indígenas, minimizando os impactos para 40 mil pessoas.

Segundo o diretor do Instituto EDP, Luís Carlos Gouveia, os novos projetos vão utilizar os recursos para diversas finalidades, como fornecimento de água, promoção da higiene pessoal, aquisição de equipamentos de proteção individual, recuperação e manutenção de respiradores e descontaminação de insumos hospitalares, além de geração de renda.

“Nesta nova etapa, contemplamos melhores condições a grupos de risco, como idosos, profissionais da saúde, comunidades de baixo poder aquisitivo e população sem teto. Este recurso chega quando o Brasil se aproxima do pico epidemia e será de grande relevância para as comunidades atendidas”, avalia.

Nova Participações doa EPI’s e comida na Grande São Paulo

A Nova Participações, holding que controla as empresas da Nova Engevix, informou que finalizou a doação de equipamentos hospitalares e alimentos para a cidade de Barueri. Na última quinta-feira (7), 880 cestas básicas foram entregues ao Fundo Social de Solidariedade da cidade, onde fica a sede do grupo desde 2008.  Além dos alimentos, o grupo entregou 2.000 máscaras e 300 aventais, ambos de TNT, para a Associação Paulista dos Amigos da Medicina (SPDM), que gerencia o Hospital Municipal.

“A decisão está alinhada ao nosso compromisso social com um país que precisa da colaboração de todos para vencer a luta contra a Covid-19”, comentou o CEO do Grupo, Yoshiaki Fujimori, afirmando ser a primeira de duas levas de doações à unidade de saúde. “Em breve vamos entregar outras 2.000 máscaras e 400 uniformes de sarja para o mesmo hospital”, completa.

Na sede da empresa, os colaboradores foram liberados para realizar os trabalhos remotamente, fornecendo a infraestrutura necessária para cada tarefa. Algumas equipes operaram em esquema de revezamento, com exceção daqueles que pertenciam a um grupo de risco da doença, que ficaram obrigatoriamente em casa.

Elétricas somam esforços para minimizar impactos socioeconômicos da pandemia (foto: Nova Participações)

Neoenergia cadastra mais 240 mil na Tarifa Social

Durante o mês de abril, a Neoenergia cadastrou voluntariamente 246 mil clientes no programa Tarifa Social, que até 30 de junho dará isenção de 100% na fatura de energia para consumidores de até 220 kWh, conforme a Medida Provisória 950 do Governo Federal. A inscrição foi realizada pela empresa de forma proativa, por meio da consulta ao Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), e representou incremento de 8,2% no número de consumidores cadastrados no Programa. Ao todo, há aproximadamente 2,9 milhões beneficiários nas quatro concessionárias da companhia.

A inserção automática é realizada através do cruzamento informações dos contratos com os dados do CadÚnico, disponibilizados às concessionárias periodicamente pela Aneel. Segundo o superintendente de processos comerciais da Neoenergia, Leonardo Moura, se o CPF que aparece na conta de energia não for o mesmo que o do representante da família no cadastro do Governo Federal, é necessário solicitar a inclusão na Tarifa Social para ter acesso ao benefício, o que pode ser feito pelos canais digitais da Neoenergia.

“Só em abril na Bahia foram cadastrados automaticamente 115 mil clientes. São pessoas inscritas nos programas sociais do governo, que tiveram seu direito garantido sem a necessidade de procurar os nossos atendimentos digitais, sendo esta uma ação importante para este período econômico e de isolamento social “, afirma Leonardo Moura. Em Pernambuco, a Celpe fez 75.853 inscrições, no Rio Grande do Norte foram 36.705 pela Cosern e a Elektro credenciou 18.472 consumidores.

Além do cadastro proativo na Tarifa Social, as quatro distribuidoras atenderam a 32.332 solicitações feitas pelos próprios clientes, em plataformas como o site e o WhatsApp, que realiza o processo desde abril para facilitar o contato com dos clientes e acelerar a concessão do benefício.

Aplicativo da CPFL tem navegação gratuita durante pandemia

Desde 12 de maio, todos os clientes da CPFL Paulista podem acessar o aplicativo para smartphones da empresa sem gastar seu pacote de dados. O benefício, válido para todas as operadoras de telefonia Claro, Vivo, Oi e Tim, objetiva facilitar o uso da tecnologia pelos usuários durante o período de isolamento social. “O foco no cliente é uma das metas corporativas do grupo e, sem dúvidas, a navegação gratuita facilitará muito a vida de todos, uma vez que é possível solicitar mais de 30 opções de serviços de onde estiver, a qualquer momento”, afirma Rafael Lazzaretti, diretor comercial da CPFL Energia.

O “Navegação Gratuita” foi criado pela agência MUV – em parceria com a Datami – e permite não consumir o plano de dados do consumidor quando este utiliza aplicativos das marcas que utilizam esse recurso. Além da navegação sem custos, atualizações podem ser incorporadas desde o ano passado, tais como ferramenta de chatbot e novas funcionalidades no app e no site, com destaque para o “Conta Fácil”, que explica de forma mais didática a conta de energia.

Como resultado desse trabalho, a CPFL destacou que o atendimento feito em seus canais digitais crescem a cada ano. Em 2019, responderam por 80% do total de serviços solicitados. Atualmente, cerca de 85% das demandas da empresa – mais de 7 milhões – já são recebidas pelos meios online. Os investimentos ultrapassaram R$20 milhões nos últimos três anos e em 2020 mais de R$ 15 milhões serão aplicados na atualização e melhoria desses canais.

Enel faz homenagem com projeção de cores do Brasil e Itália na fachada do consulado italiano em São Paulo (foto: Divulgação Enel X)

Enel ilumina mensagem em prédios do consulado italiano no Rio e SP

A partir desta semana, as cores do Brasil e da Itália irão projetar uma mensagem de apoio refletida na fachada dos prédios que abrigam o Consulado Geral da Itália no Rio de Janeiro e São Paulo. Repetindo a iniciativa feita em diversas cidades italianas nos últimos meses, o vermelho e branco se juntarão ao verde e amarelo, “no intuito de demonstrar a força necessária para iluminar esse difícil momento, numa ação em homenagem a todos aqueles que, com a própria energia, estão nas ruas fazendo a diferença”, declara a Enel X em nota.

A iniciativa integra o movimento #Juntosnamesmaenergia, nesse caso numa parceria entre o consulado italiano e a linha de negócios globais da Enel dedicada ao desenvolvimento de produtos inovadores e soluções digitais, como essa iluminação arquitetural, além de oferecer serviços em eficiência energética, iluminação pública e soluções para cidades inteligentes.