CEB anuncia revitalização da iluminação pública

Projeto abrange áreas com maiores índices de criminalidade e trânsito de pessoas

A CEB Distribuição iniciou na sexta-feira passada (03) um programa de revitalização da iluminação pública para aumentar a sensação de segurança da população. O projeto feito em parceria com a Secretaria de Obras do Distrito Federal prevê intervenções de eficientização com custo aproximado de R$ 12 milhões, que envolvem a substituição de quase 14 mil luminárias. Os recursos virão da Contribuição de Iluminação Pública, paga pelos consumidores na tarifa.

O levantamento feito pela companhia identificou 52 áreas em 23 regiões administrativas onde há necessidade de implantação das ações do programa Luz que Protege. As áreas cobertas poderão aumentar, segundo o presidente da CEB, Edison Garcia. “À medida que os projetos forem elaborados e executados, continuaremos a buscar novos pontos de atuação”, disse em nota divulgada pela empresa.

O início das intervenções aconteceu na região do Terminal Rodoviário de Ceilândia, cidade mais populosa do DF. A prioridade das ações são as áreas com maior índices de criminalidade e tráfego de pessoas, como hospitais, Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), escolas, delegacias e praças.

A CEB D tinha realizado um projeto piloto em duas etapas, nos meses de janeiro e de março. Foram revitalizadas  nesses meses faixas de pedestres em Ceilândia, no Plano Piloto, Cruzeiro, Guará, Samambaia, Taguatinga, Santa Maria, Sobradinho e Planaltina.