Dois vencedores do A-6 recebem aval para atuar como PIE

Empreendimentos serão construídos nos estados de Minas Gerais e Santa Catarina

O Ministério de Minas e Energia (MME) autorizou dois vencedores do último leilão A-6/19 a se estabelecerem como Produtores Independentes de Energia (PIE), segundo portarias publicadas no Diário Oficial da União nesta quinta-feira, 16 de julho. As informações constam nas Portarias MME nº 285 e 286.

A empresa Bioenergia Cerradão II comercializou energia de uma termelétrica a biomassa que utiliza o bagaço da cana de açúcar como combustível para produzir eletricidade. A UTE Cerradão terá 40 MW de capacidade instalada e 20,5 MW médios de garantia física, localizada no município de Frutal, em Minas Gerais. A usina fornecerá energia por 25 anos, com início do contrato em 1 de janeiro de 2025.

Da mesma forma, o MME autorizou a Ipira Energia. A empresa comercializou energia da pequena central hidrelétrica Pira, de 20,4 MW de capacidade instalada e 9,5 MW médios de garantia física, pelo período de 30 anos. A usina será construída no rio Uruguai, no município de Ipira, em Santa Catarina.