PLD no Nordeste recua 10% e alcança R$ 73,03/MWh

Valores também caíram nos demais submercado e estão equacionados em R$ 92,98/MWh

O Preço de Liquidação das Diferenças para o período de 01 a 07 de agosto, teve uma ligeira diminuição para os submercados Sudeste/Centro-Oeste, Sul e Norte, passando de R$ 93,25/MWh da semana anterior e indo para R$ 92,98/MWh. Para o Nordeste, os preços apresentaram queda de 10%, saindo de 80,93/MWh para R$ 73,03/MWh.
A Câmara de Comercialização de Energia Elétrica aponta que o principal fator responsável pela diminuição do PLD do Nordeste foi a verificação de maiores níveis de armazenamento nessa região em relação a expectativa anterior. Além disso, os limites de envio de energia da região Nordeste foram atingidos em todos os patamares, mantendo o descolamento dos preços em relação aos demais submercados.
Os níveis dos reservatórios do Sistema Interligado Nacional ficaram cerca de 6 MW médios abaixo do esperado. Estão mais baixos em relação a expectativa anterior nos submercados Sudeste/Centro-Oeste em 1.022 MW médios e Norte em 272 MW médios. Enquanto isso os níveis estão mais altos no Sul com 617 MW médios e Nordeste com 671 MW médios.
A carga mensal prevista para agosto teve redução média de 851 MW médios e para setembro não teve alteração.
O fator de ajuste do Mecanismo de Realocação da Energia (MRE) estimado para julho de 2020 é de 68,6% e para agosto, de 61,3%.
Por sua vez, o ESS previsto para julho de 2020 está em R$ 16,5 milhões, sendo R$ 10,1 milhões referentes à restrição operativa e R$ 6,3 milhão a Unit Commitment. Para agosto de 2020, a previsão é de R$ 8,2 milhões, referentes apenas às restrições operativas.