Copel contrata 162 MW médios em leilão privado

Vencedores do certame totalizam 595 MW de capacidade instalada, sendo 184 MW de energia eólica e 411 MW de energia solar

A Copel Mercado Livre, subsidiária da estatal paranaense que atua na comercialização de energia no ACL fechou a segunda etapa de seu Leilão de Compra de Energia Incentivada Solar e Eólica com a contratação de 162 MW médios, pelo prazo de 13 anos. O início de fornecimento se dará em janeiro de 2023. Os empreendimentos vencedores do certame totalizam 595 MW de capacidade instalada, sendo 184 MW de energia eólica e 411 MW de energia solar. Segundo a empresa são novas usinas que ainda serão construídas para entrega da energia para a Copel.
Com a contratação, explicou em comunicado, amplia seu portfólio de produtos oferecidos aos seus clientes, além de impulsionar a geração de energia a partir de fontes renováveis. Franklin Miguel, diretor geral da empresa, lembrou que somente o mercado livre de energia está sendo responsável pela expansão de geração do setor elétrico nacional neste ano. E que isso é sinal de maturidade do mercado livre.
A Chamada Pública foi lançada no final de 2019, com previsão de compra de energia de novos empreendimentos em três etapas. A primeira etapa foi realizada em fevereiro de 2020. A terceira etapa está prevista para o final de 2020.