Copel avança com modernização da UHE Foz de Areia

Companhia deve finalizar ainda em setembro o processo de renovação total da última turbina da usina

A hidrelétrica Governador Bento Munhoz da Rocha Netto, também conhecida como Foz de Areia, voltou a operar na última semana a unidade geradora UG4, a terceira a passar pelo processo de modernização que a Copel está empreendendo em algumas de suas UHEs. Ainda em setembro, está prevista a parada da quarta e última turbina da usina a passar pelo processo, a UG3, informa a companhia em comunicado.

Instalada no rio Iguaçu, no município de Pinhão (PR), a hidrelétrica de 1,6 GW completa este ano 40 anos de operação. A primeira fase da renovação total iniciou em 2011, com a reforma dos equipamentos de levantamento de carga. A segunda, que contempla os quatro grupos de turbinas e geradores, começou em 2017 e será concluída em 2021, num investimento total de R$ 150 milhões em todo projeto.

Segundo a estatal paranaense, cada turbina leva em torno de um ano para ser totalmente renovada, com os trabalhos envolvendo a troca de todos rotores, o enrolamento estatórico do gerador, o regulador de velocidade e o sistema de excitação e equipamentos auxiliares.

Em nota, a empresa afirmou que a revitalização da usina já trouxe ganhos para o desempenho hidroelétrico, com melhor rendimento e aproveitamento do potencial hidráulico quando o nível do reservatório está baixo.

“A segurança e a confiabilidade da operação de GBM também aumentou, e os ensaios mostram que os níveis de vibração e pulsação da turbina diminuíram – resultado do novo design hidráulico do rotor”, finaliza o documento.