Estacionamento da UFPR ganha usina solar de 1,2 MWp

Planta virou um laboratório a céu aberto para alunos de graduação e pós-graduação e empresas de pesquisa

O estacionamento da Universidade Federal do Paraná (UFRP) se transformou na maior usina solar do tipo (carpot) no Brasil, informa a Copel, concessionária controlada pelo governo paranaense, em nota divulgada à imprensa na última sexta-feira, 11 de dezembro, data da inauguração da planta no campus Centro Politécnico, em Curitiba.

Financiado com recursos do fundo Eficiência Energética Aneel, a usina solar tem 1,2 MWp e custou R$ 21 milhões, considerando também os custos com a instalação de 56 mil lâmpadas LED nos prédios da universidade. Com o projeto, busca-se alcançar uma economia com gastos na conta de luz da ordem de R$ 2 milhões por ano.

Para o coordenador do Projeto de Eficiência Energética da UFPR, e superintendente da Funpar, professor João da Silva Dias, comentou que a usina virou um laboratório a céu aberto para alunos de graduação e pós-graduação e empresas de pesquisa sobre eficiência energética.

“Do ponto de vista da Copel, é uma semente plantada para um futuro promissor. O setor elétrico está cada vez mais voltado à sustentabilidade do nosso planeta”, escreveu o superintendente de Smart Grid e Projetos Especiais da Copel, Julio Shigeaki Omori.