AES Brasil e Ferbasa fecham acordo para 80 MW médios

Energia virá de parque eólico de 165 MW no Complexo Eólico Cajuína

A AES Brasil e a Ferbasa firmaram no último dia 12 de janeiro, memorando de entendimento para o fornecimento de 80 MW médios a partir de 2024, pelo prazo de 20 anos.  A energia virá de um projeto eólico a ser desenvolvido no complexo eólico Cajuína, no Rio Grande do Norte,  onde a geradora prepara seu cluster eólico, com início de construção previsto para 2021.

O projeto possui 165 MW de capacidade instalada, equivalentes a 92 MW médios de energia assegurada a P50. No contrato que será assinado prevê a entrega no submercado Nordeste e perfil flat.

De acordo com a AES Brasil, a movimentação reforça a estratégia de crescimento e diversificação  de  portfólio baseado em projetos de energia renovável complementares a fonte hídrica e com contratos de longo prazo.