Energisa recebe R$ 207,7 milhões de disputa arbitral

Disputa corre desde o ano de 2015 referente à venda de ativos para empresas controladas pela Brookfield

A Energisa informou em comunicado que a São João Energética cumpriu a sentença proferida em procedimento arbitral sigiloso movido pela companhia e sua controlada Energisa Soluções. Houve o pagamento do montante de R$ 206.195.291,09, acrescidos do ressarcimento das custas e despesas incorridas com a arbitragem no montante de R$ 1.545.128,44, totalizando o recebimento de R$ 207.740.419,53.

No início de maio a empresa informou a decisão do tribunal arbitral na ação movida. O montante refere-se a valor adicional de ajustes de preços sujeitos ao cumprimento de determinadas condições precedentes, conforme consta nos contratos de compra e venda, firmados com a compradora São João Energética, FIP Investimentos Sustentáveis e Brookfield Energia Renovável, empresas indiretamente controladas pela Brookfield Renewable Energy Partners.

O questionamento dos valores corre desde o ano de 2015, quando de disputas em procedimentos arbitrais envolvendo as duas partes dessa ação em curso perante o Centro de Arbitragem e Mediação da Câmara de Comércio Brasil-Canadá (CAM-CCBC), com expectativa de encerramento para o ano de 2021.