ONS envia à ANA estudo sobre volume de água na hidrelétrica de Furnas

Segundo Operador, a depender de decisões tomadas, o reservatório da usina poderia esgotar seu volume útil até o fim de novembro deste ano

O Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE) enviou o Ofício nº 13/2021 à Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) solicitando a adoção de medidas para enfrentamento da situação hidroenergética desfavorável na bacia do rio Paraná.

Segundo a ANA, o documento é complementado pela Carta CTA-ONS DGL 1032/2021, que contém a avaliação das condições de atendimento eletroenergético ao SIN. Nela o Operador Nacional do Sistema Elétrico apresenta estudo prospectivo de junho a novembro de 2021.

De acordo com o estudo do ONS enviado à ANA, a depender de decisões tomadas, o reservatório de Furnas (MG) poderia esgotar seu volume útil até o fim de novembro deste ano, o que comprometeria os usos múltiplos da água praticados. Para evitar essa situação, a Agência avalia determinar a observância de condições de reserva similares aos últimos três anos em 30 de novembro, mesmo com a ocorrência da pior condição hidrológica na afluência de vazões aos reservatórios da bacia do Paraná no histórico dos últimos 91 anos.