Cemig aplica R$ 4 mi e conclui ampliação de subestação

Investimentos previstos para a área de distribuição em Minas Gerais devem ser superiores a R$ 2 bilhões em 2021

A Cemig concluiu as obras de alta tensão para ampliação da Subestação Nova Serrana 1, na região Oeste de Minas Gerais.  A instalação angariou R$ 4 milhões e representa uma oferta adicional de 25 MVA de potência, beneficiando cerca de 160 mil pessoas dos municípios de Nova Serrana, Pitangui, Papagaios, Leandro Ferreira e Bom Despacho.

Segundo a companhia, as melhorias são fundamentais para a região pois otimizam significativamente os níveis de tensão e possibilitam novos empreendimentos, garantindo a qualidade do fornecimento e a oferta do serviço de eletricidade para a região. Numa avaliação recente, foi averiguado que cada nova SE, em conjunto com as linhas de distribuição associadas, diminui em torno de dez vezes o risco de interrupção quando comparado ao sistema elétrico anterior.

Além dessa iniciativa, a Cemig está investindo aproximadamente R$ 40 milhões na construção da subestação Nova Serrana 2 e nova linha de distribuição de 138kV, que irá incrementar 50 MVA, em obras previstas para até fevereiro de 2022.

No período de 2018 a 2022, os aportes da estatal mineira em melhorias em linhas de distribuição, subestações, religadores, redes de média e baixa tensão e medidores, compreenderá um montante superior a R$ 6 bilhões. Para 2021, os recursos para a área de distribuição estão orçados em mais de R$ 2 bilhões, com 80 novas SEs sendo construídas.