Enel GO reverte prejuízo e tem lucro no primeiro semestre

Ganhos da empresa somaram R$ 2,8 milhões ante as perdas de R$ 34 milhões do mesmo período do ano passado

A Enel GO apresentou lucro de R$ 2,8 milhões no primeiro semestre de 2021, revertendo o resultado de um ano antes que tinha sido de prejuízo de R$ 34,4 milhões. O resultado ebitda (antes de juros, impostos, depreciação e amortização) somou R$ 350,4 milhões, alta de 52,4%.

Essa elevação do ebitda é explicado pelo crescimento na receita líquida, refletindo, sobretudo, o maior volume de energia distribuído no período e o reajuste tarifário médio vigente a partir de 22 de outubro de 2020. A receita bruta apresentou aumento de 30,6%,somando R$ 6,4 bilhões de janeiro a junho.

O volume de energia vendida e transportada pelas redes da empresa aumentou 6,3%, para 7.252 GWh. Os indicadores de qualidade apresentaram melhoria, o DEC ficou em 16,91 horas e o FEC em 9,38 vezes, reduções de 16% e de 9,5%, respectivamente. As perdas também caíram na mesma base de comparação, para 11,67%, 0,66 ponto porcentual a menos, caminho esse atribuído investimentos em combate a perdas comerciais e da redução das perdas técnicas.

Os investimentos mais que dobraram este ano para R$ 830,4 milhões ante R$ 408,2 milhões de 2020. Segundo a concessionária, os recursos foram destinados a novas conexões, adequação da infraestrutura para aumento de carga e expansão, modernização, manutenção e digitalização do sistema elétrico. A dívida líquida da companhia subiu 45,5%, para quase R$ 4 bilhões.