Bloomberg e Goldman Sachs lançam Índice Global de Energia Limpa

Novo indicador acompanha o desempenho das ações globais com exposição significativa ao setor de energia limpa, conforme identificado pela BloombergNEF

A Bloomberg e a Goldman Sachs Asset Management lançaram um novo indicador para o setor de energia limpa, o Índice Global de Energia Limpa Bloomberg Goldman Sachs. Trata-se de um índice ponderado de capitalização de mercado ajustado pelo free float que acompanha o desempenho de mais de 175 ações globais com exposição significativa de negócios ao setor de energia limpa.

Segundo nota à imprensa, o índice foi desenvolvido em conjunto pelas empresas usando uma abordagem proprietária baseada nas percepções dos analistas da BloombergNEF (BNEF), que identificam empresas ativas e influentes em seus respectivos setores e avaliam sua exposição à energia limpa. O universo de títulos elegíveis para o índice é desenvolvido usando uma abordagem baseada em dados para selecionar títulos do Bloomberg World Index com base nas estimativas do BNEF de sua exposição a energia limpa.

Os seguintes setores foram definidos como tendo uma exposição positiva à energia limpa para a composição deste novo indicador: eólica, armazenamento de energia, energia limpa, redes, digitalização, bioenergia, solar e hidrogênio. O índice será rebalanceado trimestralmente, a ideia é proporcionar uma oferta dinâmica que promete evoluir junto com a transição energética e resultar em menor volatilidade.