Aneel prorroga CVU da UTE Nova Piratininga

Valor final do custo da térmica será definido pela agência após análise de documentação apresentada pela Petrobras

A Agência Nacional de Energia Elétrica aprovou a prorrogação do Custo Variável Unitário da termelétrica a gás Nova Piratininga, que foi estabelecido de forma precária em 14 de dezembro do ano passado. O CVU da usina da Petrobras permanecerá em R$ 2.037,43/MWh sem custos fixos e em R$ 2.196,59/MWh com custos fixos, por um período adicional de 45 dias, contados a partir de 1º de fevereiro.

O valor provisório foi mantido a pedido da estatal, que encaminhou à Aneel o contrato de suprimento com a térmica. A documentação será analisada em 20 dias pelas áreas técnicas e pela procuradoria da agência, para que ela possa estabelece o valor definitivo do custo da usina.

A Petrobras informou que se trata de uma relação de auto importação de gás, já que a UTE pertence à empresa. O empreendimento tem potência instalada de 386 MW está localizado em São Paulo.