ONS atualiza dados consolidados de geração solar e eólica

Com o avanço das fontes renováveis na matriz, Operador incrementa na divulgação dos resultados

O Operador Nacional do Sistema Elétrico atualizou os dados de produção das usinas eólicas e fotovoltaicas no Sistema Interligado Nacional. De acordo com o Operador, a ilustração traz um histórico de geração média e do fator de capacidade das duas fontes no período de 15 meses, entre janeiro de 2021 e março de 2022, e os recordes de geração do SIN.

O infográfico demonstra ainda o avanço da geração de energia. O mês de março de 2022 teve um percentual maior de geração de energia eólica, se comparado ao mesmo período de 2021, demonstrando que a produção de fontes renováveis tem avançado gradualmente no País. Destaques ainda para os recordes de produção solar em base horária, registrado em 30 de março, com 3.787 MW e, em base mensal, com 1.203 MW. A eólica representa hoje 11,9% do total de energia gerada, com a previsão de que até dezembro de 2026 chegue em 13,9% de participação e a solar com 2,8% e a expectativa de chegar em 2026 com 5,3%.