Obra para implantação da rede elétrica subterrânea em Morro de São Paulo é iniciada

Neoenergia Coelba investiu R$ 20 milhões em obra que beneficiará cerca de 4,5 mil clientes na Ilha

Morro de São Paulo, na Bahia, em breve terá parte do fornecimento de energia realizado por rede elétrica subterrânea.  As obras para a implantação da nova rede já foram iniciadas e ao todo já foram investidos cerca de R$ 20 milhões pela Neoenergia Coelba para embutir cabos e equipamentos elétricos, em um duto entre o trecho do cais ao mirante da primeira praia.

“Temos uma programação que será realizada em três etapas, para que tenhamos o menor impacto possível na rotina dos negócios e empreendimentos da Ilha. Sabemos que Morro de São Paulo tem o turismo como uma das principais atividades econômicas, por isso é importante preservar vias e garantir o fluxo de pessoas”, afirma o superintendente região Sul, da Neoenergia Coelba, Jean Viana.

A nova rede elétrica terá extensão de 1,6 quilômetro de rede de média e baixa tensão e contará com nove transformadores de 500 quilo-voltamperes (KVA), que vão proporcionar maior confiabilidade a distribuição de energia, valorizando ainda mais a paisagem local, que não terá mais fiações em rede aérea. Serão três anos de trabalho – entre escavações e reconfiguração da rede, que estão divididos em três etapas. A divisão é necessária para atender a dinâmica local e evitar que, nos períodos de alta estação, haja escavação em trecho de grande movimentação de turistas.

De acordo com a Neoenergia Coelba, o trabalho de perfuração no trecho em que passará a rede elétrica foi mapeado com um equipamento de georreferenciamento, que realiza um raio x do solo e identifica possíveis interferências de tubulações de água e gás. Assim, será possível traçar o caminho que os fios devem passar sem afetar as estruturas dos serviços essenciais. Uma espécie de perfuração guiada.

“Temos investido de forma consistente na modernização e expansão do sistema elétrico em toda Bahia, e isso resultou em entregas de obras estruturantes, também, em Morro de São Paulo. Cerca de R$ 41 milhões foram investidos no último ano na região. A nova rede elétrica subterrânea trará maior confiabilidade no fornecimento de energia, além de contribuir para uma valorização da beleza natural da Ilha, que não terá mais o impacto visual da fiação aérea”, concluiu Luiz Antonio Ciarlini, diretor-presidente da Neoenergia Coelba.