Angra 2 para por 42 dias a partir de domingo, 12

Usina passará por reabastecimento de combustível, além de manutenções e inspeções

A central nuclear Angra 2 vai parar neste domingo, 12 de junho, por até 42 dias para reabastecimento de combustível. Segundo a Eletronuclear, estão previstas também manutenções, testes e inspeções periódicas exigidas por especificações técnicas, somando cerca de 5.500 atividades.

O escopo foi ampliado, incluindo tarefas que foram postergadas nas duas últimas paradas, reduzidas ao mínimo necessário por conta da pandemia. Para realizar o trabalho programado, a empresa afirma ter contratado 1.250 profissionais brasileiros e 160 estrangeiros.

O superintendente de Angra 2, Fabiano Portugal, ressaltou que o principal objetivo é fazer uma parada com segurança total e que essa encerra o 18º ciclo de operação da usina. “Angra 2 operou durante 316 dias com uma potência média de 97,1%. Com esse fator de carga, o ciclo que passou foi o 8º melhor da história da usina”, destacou Portugal.

Algumas das principais atividades programadas são inspeções e testes do vaso de pressão do reator ou por correntes parasitas e limpeza dos espelhos nos geradores; medição de espessura do encamisamento dos elementos combustíveis após o descarregamento do núcleo; teste de pressão hidrostática do sistema primário; revisão de uma das turbinas de baixa pressão; inspeção no gerador elétrico principal; revisão das válvulas principais e substituição de válvulas piloto do sistema de vapor principal.