Olá, esse é um conteúdo exclusivo destinado aos nossos assinantes
Para continuar tendo acesso a todos os nossos conteúdos, escolha um dos nossos planos e assine!
Redação
de R$ 47,60
R$
21
,90
Mensais
Notícias abertas CanalEnergia
Newsletter Volts
Notícias fechadas CanalEnergia
Podcast CanalEnergia
Reportagens especiais
Artigos de especialistas
+ Acesso a 5 conteúdos exclusivos do plano PROFISSIONAL por mês
Profissional
R$
82
,70
Mensais
Acesso ILIMITADO a todo conteúdo do CANALENERGIA
Jornalismo, serviço e monitoramento de informações para profissionais exigentes!

A Indústrias Nucleares do Brasil (INB) finalizou em junho a produção dos 52 elementos combustíveis para a 19ª Recarga de Angra 2. O primeiro transporte com oito elementos combustíveis, da Fábrica de Combustível Nuclear (FCN), em Resende/RJ, para Angra dos Reis/RJ, aconteceu na última terça-feira, 11 de julho, pela manhã, sob responsabilidade da Eletronuclear.

Segundo a companhia, o último transporte está previsto para início de agosto. Até lá serão feitos seis transportes. A fabricação da 19ª Recarga de Angra 2 começou em agosto de 2022.

ANGRA 1
Paralelamente à 19ª Recarga de Angra 2, a produção da 28ª Recarga de Angra 1 foi iniciada no início de maio na FCN-Reconversão e Pastilhas. A princípio foi feita a fabricação do pó e pastilhas de UO2 para as extremidades das varetas, que têm o teor de 2,60% de enriquecimento, e está em curso a fabricação do pó e pastilhas com teor de 4,50% também utilizadas nesse elemento.

A produção de 44 elementos combustíveis no âmbito da 28ª Recarga de Angra 1 tem sua previsão de término para meados de setembro e o transporte ocorrerá até o final do mesmo mês.