Olá, esse é um conteúdo exclusivo destinado aos nossos assinantes
Para continuar tendo acesso a todos os nossos conteúdos, escolha um dos nossos planos e assine!
Redação
de R$ 47,60
R$
21
,90
Mensais
Notícias abertas CanalEnergia
Newsletter Volts
Notícias fechadas CanalEnergia
Podcast CanalEnergia
Reportagens especiais
Artigos de especialistas
+ Acesso a 5 conteúdos exclusivos do plano PROFISSIONAL por mês
Profissional
R$
82
,70
Mensais
Acesso ILIMITADO a todo conteúdo do CANALENERGIA
Jornalismo, serviço e monitoramento de informações para profissionais exigentes!

A Comissão Permanente para Análise de Metodologias e Programas Computacionais do Setor Elétrico (CPAMP) decidiu alterar parâmetros nos modelos com base nas contribuições recebidas pela consulta pública 151/2023, que terminou em 19 de julho. Serão alterados os volumes mínimos operativos (VMinOp) e mantidos valores do CVaR.

As instituições que compõem a CPAMP decidiram propor, a partir de janeiro de 2024, o uso da atualização dos valores de VMinOp para 23,3% no Nordeste, 22,5% no Norte, 20% no Sudeste, Paraná e Paranapanema e 30% no Sul e Iguaçu.

Já o CVaR fica mantido em 25,35. Por sua vez, decidiu postergar a metodologia de representação híbrida das usinas hidrelétricas no modelo Newave (Newave Híbrido) e da funcionalidade de cortes externos em substituição ao período pós, para aprofundamento dos estudos. Segundo comunicado do MME, a metodologia proposta de representação de cenários estocásticos de ventos (Fontes Intermitentes) não foi aprovada.

O ministério aponta ainda que para outras finalidades associadas à operação e formação de preços, os aprimoramentos passam a valer a partir de janeiro de 2024, com a previsibilidade e transparência estabelecida na governança setorial. E explica que o relatório com a consolidação das contribuições enviadas pelos agentes será disponibilizado na página da CP sobre o tema somente na próxima semana.

Os aprimoramentos aprovados nesta segunda-feira podem ser utilizados de forma imediata para uso oficial pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE) no planejamento da expansão e no cálculo de Garantia Física, conforme explicitado na Resolução CNPE Nº 22, de 5 de outubro de 2021.

Além disso, a Cpamp realizará no dia 10 de agosto, das 9h às 12h, um workshop com os agentes do mercado para discutir os aprimoramentos propostos nos modelos.