A EDP Renováveis obteve parecer positivo da Aneel e já pode iniciar a operação comercial de 22 aerogeradores de 4,5 MW, somando 99 MW de potência dos parques Catanduba RN I e II, localizados no município de Jandaíra (RN). A Casa dos Ventos também recebeu aval, para quatro unidades geradoras de 4,5 MW, totalizando 18 MW da EOL Ventos de Santa Luzia 12. Os ativos estão situados entre os municípios potiguares de Monte das Gameleiras, Serra de São Bento e São José do Campestre.

Outra aprovação comercial foi para 129 módulos fotovoltaicos da planta Jaíba CN, perfazendo 40 MW de capacidade instalada em Jaíba (MG) e de titularidade da Auren Energia. Mais 40 MW foram deliberados da termelétrica São Martinho, localizada no município de Pradópolis (SP) e de posse do Grupo São Martinho.

Já para testes, o regulador deu provimento à Enel Brasil, liberando dez turbinas de 4,5 MW das EOLs Pedra Pintada II e III, num total de 45 MW em Ourolândia (BA). Outra deliberação nesses moldes foi para um aerogerador de 4,2 MW do parque Caetité F, num projeto da Neoenergia em Caetité (BA).