Olá, esse é um conteúdo exclusivo destinado aos nossos assinantes
Para continuar tendo acesso a todos os nossos conteúdos, escolha um dos nossos planos e assine!
Redação
de R$ 47,60
R$
21
,90
Mensais
Notícias abertas CanalEnergia
Newsletter Volts
Notícias fechadas CanalEnergia
Podcast CanalEnergia
Reportagens especiais
Artigos de especialistas
+ Acesso a 5 conteúdos exclusivos do plano PROFISSIONAL por mês
Profissional
R$
82
,70
Mensais
Acesso ILIMITADO a todo conteúdo do CANALENERGIA
Jornalismo, serviço e monitoramento de informações para profissionais exigentes!

A Alupar informou que sua subsidiária peruana foi vencedora de dois projetos no concurso público correspondente ao segundo processo de reatribuição de projetos de transmissão realizado no país. Os investimentos são estimados em US$ 19,6 milhões, com RAP total de US$ 3,2 milhões, equivalente a uma relação RAP/CAPEX média de 16,3%. O prazo das concessões é de 30 anos.

O primeiro empreendimento é a implementação da subestação Maravilla 138/22,9 kV e seu seccionamento associado, com conclusão prevista para julho de 2027. O segundo é para construção da SE Puno Sur 138 kV/60 kV e uma linha de 138kV com 9,5 km de extensão. As obras devem ser finalizadas em novembro de 2027.

Consolidando o novo ciclo de crescimento da companhia através de projetos com retorno consistente, a transmissora afirmou que pretende investir um montante de US$ 289,7 milhões até 2027 nos três países em que atua para além do Brasil (Chile, Peru e Colômbia), com uma RAP total contratada de US$ 38,9 milhões, conforme o quadro abaixo: