Tarifas da CPFL Santa Cruz terão aumento médio de 7,15%

Efeito médio será de -4,13% para as tarifas da alta tensão e de 13,35%% para o segmento de baixa tensão

A CPFL Santa Cruz terá suas tarifas corrigidas em média em 7,15% a partir desta terça-feira, 22 de março. O índice resultante da quarta revisão tarifária da distribuidora terá efeito médio de – 4,13% para os consumidores em alta tensão e de 13,35% para o segmento de baixa tensão. 
 
Além da revisão, a Aneel aprovou os limites dos indicadores DEC e FEC – que medem a duração e frequência das interrupções no fornecimento de energia elétrica por conjunto de consumidores – para o período de 2017 a 2020. A Santa Cruz atende aproximadamente 197 mil consumidores em 24 municípios do interior de São Paulo e três municípios do norte do Paraná.