Eólicas da Enel Green Power entram no Reidi

Reforços na transmissão em MG também conseguem enquadramento ao sistema

O Ministério de Minas e Energia aprovou na última sexta-feira, 22 de janeiro, o enquadramento de três eólicas da Enel Green Power ao Regime Especial de Incentivos para o Desenvolvimento da Infraestrutura. As EOLs Delfina III, VI e VII tem 30 MW de capacidade cada uma, ficam localizadas na cidade baiana de Campo Formoso e serão implantadas entre novembro de 2016 e 1º de outubro de 2017. As três usinas vão custar cada uma R$ 113,1 milhões, sem a incidência de impostos.

O MME também aprovou a entrada no regime de reforços em instalações de transmissão da Ribeirão Preto Transmissora de Energia na cidade de Fronteira (MG). Serão executadas adequações nos sistemas de Proteção, Controle e Supervisão, na Subestação São Simão e Marimbondo. Na SE Marimbondo II, dentre outros reforços, serão instalados módulos de entrada de linha e de interligação, além de circuitos linha de transmissão 500 kV. O prazo para execução das obras vai de 11 de maio de 201 até 11 de abril de 2018. As obras vão custar R$ 23,3 milhões.