Aneel estima colocar em leilões mais R$ 35 bilhões em projetos de transmissão

Uma parcela desses empreendimentos poderá ficar para o primeiro semestre de 2016

O governo federal deverá colocar em leilão mais R$ 35 bilhões em projetos de transmissão ainda esse ano. Segundo o diretor da Agência Nacional de Energia Elétrica, André Pepitone, esses projetos deverão ser divididos entre os leilões programados para agosto, outubro e dezembro. Mas não descarta que uma parcela desses projetos possam entrar nos leilões do primeiro semestre de 2016.

Já no leilão de 26 de agosto estão previstos 11 lotes com o potencial de investimentos de R$ 7,7 bilhões. Dois meses depois há a perspectiva de que mais R$ 4,5 bilhões em projetos sejam colocados em disputa e, na sequência, empreendimentos para reforçar o escoamento de usinas eólicas no Nordeste, bem como reforços para a interligação entre o Norte e o Sudeste e para a região Sul que juntos devem somar R$ 21 bilhões.

“Em 2014 encerramos o ano com projetos que somam R$ 11,4 bilhões em investimentos, esse ano começou promissor com um leilão de janeiro e temos ainda a programação de mais R$ 35 bilhões, agora que já tivemos o certame do segundo bipolo de Belo Monte. Esse será o ano da transmissão no Brasil”, sentenciou ele.