AES Eletropaulo captará R$ 480 milhões para reforçar caixa

Operação foi aprovada pelo conselho de administração da companhia nesta terça-feira, 14 de julho

O conselho de administração da AES Eletropaulo (SP) aprovou na última terça-feira, 14 de julho, a contratação de novas linhas de crédito no valor de R$ 480 milhões. Os recursos são para fins de reforço de capital de giro e/ou refinanciamento de dívidas. A AES Eletropaulo é a maior distribuidora de energia do Brasil, com atuação no estado de São Paulo.

Segundo a ata da reunião, a operação prevê a contratação ou emissão de novas dívidas através de linhas de crédito, certificados de créditos bancários e ou notas promissórias, com ou sem garantia. A contratação será feita junto a uma ou mais instituições financeiras, com possibilidade de garantia de recebíveis.

As condições do respectivo contrato estabelecem que a Eletropaulo poderá utilizar os recursos mediante um ou mais saques; os prazos dos instrumentos contratuais serão de até 7 anos, com início na data de cada saque, e o custo total da contratação, incluindo impostos e comissões, será de até 15,10% ao ano, incidente sobre o valor sacado. "Fica a diretoria da companhia autorizada a praticar todos os atos necessários à efetivação da contratação", escreveu o conselho em comunicado disponível na Comissão de Valores Mobiliários.