Leilão A-6: preços variam de R$ 151,68 a R$ 308/MWh

Edital do certame previsto para 31 de agosto foi aprovado pela Aneel nesta terça-feira, 31 de julho

O preço inicial do leilão A-6 para empreendimentos de geração sem outorga e para empreendimentos com outorga sem contrato de energia será de R$ 290/MWh para usinas hidrelétricas e de R$ 227/MWh para eólicas, ambas no produto quantidade; e de R$ 308/MWh  para contratos por disponibilidade de usinas  termelétricas a biomassa, a carvão e a gas natural. Para empreendimentos com outorga e com contrato,  o preço será de R$ 151,68/MWh para empreendimento hidrelétrico acima de 50 MW e de R$171,82/MWh para projetos eólicos. O custo marginal de referência do leilão será de R$ 308/MWh.

O edital com as regras do certame de energia nova foi aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica nesta terça-feira, 31 de julho. O leilão marcado para 31 de agosto é destinado à contratação por 30 anos de empreendimentos de fonte hídrica, de projetos eólicos por 20 anos e de térmicas por 25 anos. O inicio de suprimento desses contratos é 1º de janeiro de 2024.

A Empresa de Pesquisa Energética cadastrou 1.090 empreendimentos com 59.116 MW de potência total instalada, sendo 928 eólicas, 66 pequenas centrais hidrelétricas, sete hidrelétricas, 23 centrais geradoras hidrelétricas, 25 termétricas a  biomassa, duas a carvão e 39 a gás natural. A novidade do certame é a negociação de contratos por quantidade de usinas eólicas.