CPFL Paulista constrói UFV no campus de Universidade

Usina faz parte do investimento de R$ 2,05 milhões em projetos de eficiência energética para a UFSCar, que inclui também a troca de 2.454 lâmpadas fluorescentes por LED

Buscando ampliar sua participação na área de eficiência energética, a CPFL Paulista (SP) investiu R$ 2,05 milhões em dois projetos para o campus São Carlos da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar): uma usina fotovoltaica e a modernização do sistema de iluminação da instituição.

Os recursos foram aplicados na construção de uma usina de geração solar de 2,2 kWp de capacidade instalada, totalizando 8 painéis fotovoltaicos, e na substituição de 2.454 lâmpadas fluorescentes tubulares e reatores por sistemas a LED, mais econômicos e eficientes.

A expectativa é que a iniciativa, financiada com recursos do Programa de Eficiência Energética da Aneel, traga economia de 918,9 MWh/ano para o campus. Esse volume de energia seria suficiente para abastecer aproximadamente 380 famílias com um consumo mensal de 200 kWh por um ano.

Para o gerente de Eficiência Energética da CPFL Energia, Felipe Henrique Zaia, a atualização do sistema de iluminação possibilitará à universidade uma redução expressiva nos gastos com a conta de energia. “Isso sem falar na reposição de lâmpadas queimadas, já que o modelo LED possui vida útil cinco vezes maior que a da tecnologia atual”, explica.

Além de contribuir com a sustentabilidade financeira da Universidade ao reduzir o valor da conta de luz, o projeto também colabora com a manutenção do meio ambiente ao evitar a emissão de 71,30 toneladas de gás carbônico (CO2) na atmosfera, o equivalente ao plantio de 428 novas árvores.

Com 645 hectares de extensão e 196 mil m² de área construída, o Campus São Carlos da UFSCar está localizado a 235 km da capital do Estado de São Paulo, à beira da Rodovia Washington Luís, na antiga fazenda Trancham. Atualmente, com aproximadamente 10 mil alunos, mil docentes, e 800 técnicos-administrativos, o Campus abriga o Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET), o Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH) e o Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS) da Universidade, nos quais estão alocados mais de 30 Departamentos Acadêmicos que oferecem cerca de 40 cursos de graduação.

 UFSCar e Grupo CPFL ampliam parceria

 Por meio da distribuidora CPFL Piratininga, a CPFL Energia aplicou outros R$ 739,4 mil em mais dois projetos de eficiência para o campus Sorocaba da UFSCar. A empresa construiu uma UFV com capacidade instalada de 12,6 kWp e modernizou o sistema de iluminação da instituição, substituindo 7.433 lâmpadas fluorescentes por LED.

A iniciativa, também financiada com recursos do PEE da Aneel, deve trazer uma economia de 313,53 MWh/ano para o campus, volume suficiente para abastecer cerca de 130 famílias com um consumo mensal de 200 kWh por um ano.

Apesar do aporte nos projetos do campus de Sorocaba ser menor, em que pese a troca de um maior número de lâmpadas, a diferença entre os valores se justifica pela natureza e tipo de tecnologia dos equipamentos utilizados nos dois campi. Em Sorocaba, o projeto contemplou a substituição da iluminação interna do campus, ambiente que demanda lâmpadas com menor potência e de tecnologia mais comum. Já em São Carlos, a maior parte da substituição ocorreu na parte externa, com lâmpadas mais potentes e, portanto, mais caras.