Taesa conclui aquisição de transmissoras compradas Eletrobras

Transmissora da Cemig ficou com 88,4% da Brasnorte e com o controle da Transmineira

A Taesa concluiu a operação de aquisição de lotes negociados no Leilão Eletrobras nº 01/2018. Ficaram com a transmissora controlada pela Cemig 49,7115% das ações da Brasnorte Transmissora de Energia por meio do pagamento no valor de R$ 75,6 milhões e a aquisição de 24,50% das ações da Companhia Transirapé de Transmissão, de 24% das ações da Companhia Transleste de Transmissão e mais 25% das ações da Companhia Transudeste de Transmissão. As empresas são conhecidas como Transmineiras por meio do pagamento no valor total de R$ 77,5 milhões.
Após a conclusão dessa operação, a transmissora passou de uma participação acionária de 38,6645% na Brasnorte, para 88,376%. Com relação às Transmineiras, a Companhia passa a deter direta e indiretamente 54% da Transirapé, da Transuleste e da Transudeste. Antes a Companhia detinha direta e indiretamente 29,50% da Transirapé, 30% da Transleste e 29% da Transudeste.