Elektro inaugura UFV no telhado da UFSCar de Araras

Iniciativa é primeira fase de projeto de eficiência energética, que depois irá focar em iluminação. Capacidade de geração dos módulos instalados pode chegar a 106,8 MW/h no período de 12 meses

A Elektro inaugurou uma usina de energia solar fotovoltaica na UFSCar, no campus de Araras, destinada a abastecer 45 casas durante o ano inteiro, além de gerar economia na conta de luz da universidade. Os módulos foram implantados sobre o telhado do prédio principal do campus e terão capacidade de 69 kWp, o suficiente para gerar 106,8 MW/h no período de 12 meses.

De acordo com a companhia. as informações e dados de geração de energia elétrica diária e mensal da usina serão armazenados pelos inversores e utilizados em pesquisas, não somente para alunos da instituição de ensino, mas também para aprimoramento da metodologia de medição de verificação de resultados para projetos da tipologia de fontes incentivadas de energia com sistemas fotovoltaicos.

A iniciativa é a primeira fase de um projeto de eficiência energética da empresa e regulado pela Aneel. Para Ana Mascarenhas, Gerente de Eficiência Energética da Elektro e Grupo Neoenergia, ações como essa induzem a modernização tecnológica de instituições do setor público, permitindo à sociedade experimentar na prática a importância e os benefícios da eficientização de energia elétrica, “incentivando também o consumo consciente e racional através de modelos mais sustentáveis”, comenta.

Na segunda fase o foco será para os sistemas de iluminação. Serão substituídas mais de 5.500 lâmpadas dos tipos fluorescentes tubulares, vapor de sódio e metálicas por lâmpadas de tecnologia LED, que são mais modernas e econômicas, e possuem uma vida útil maior se comparadas com as convencionais.