Desligamentos em série no RN interrompem 146 MW do SIN

Ocorrências aconteceram em subestação, quatro plantas eólicas e na termelétrica Vale do Açu. Restabelecimento das cargas demorou 1 hora e 30 minutos

Ocorrências na rede elétrica do Rio Grande do Norte no final da tarde da última quarta-feira (5) acabaram provocando o corte de 136 MW de carga da Cosern na região e 10 MW do consumidor industrial Cimento Apodi, informou o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), a partir do seu IPDO diário.

Segundo o boletim, foi registrado às 18:13 horas o desligamento automático da subestação Mossoró II 230/69 kV e dos conjuntos eólicos Carcará II (23 MW), Areia Branca (7 MW), Santo Inácio (15 MW), Mangue Seco (42 MW) e da geração da termelétrica Vale do Açu (152 MW), ambos no Rio Grande do Norte. A causa ainda deverá ser identificada.

O sistema começou a ser normalizado 4 minutos após os desarmes, através da transferência de 13 MW pela rede de distribuição. Às 19:41 horas foi iniciado o restabelecimento do restante das cargas, que durou ao todo 1 hora e 30 minutos para ser totalmente recomposta. Já os equipamentos foram restituídos até às 20:03 horas, mas as linhas de transmissão 230 kV Mossoró II/Areia Branca e Mossoró II/Carcará II permanecem indisponíveis.