Chesf compra ações da Sequóia em parques eólicos por R$ 20,6 mi

Companhia adquiriu totalidade de participação nas SPEs do Complexo Eólico Pindaí I, II e III, na Bahia

A Chesf pagou cerca de R$ 20,6 milhões e concluiu a compra da totalidade das ações pertencentes à Sequoia Capital Ltda. nas SPEs do Complexo Eólico Pindaí I, II e III, na Bahia, sendo R$ 15,6 milhões desembolsados diretamente para a Sequóia e pouco mais de R$ 5 milhões para a regularização de pendências de integralização de capital da empresa no projeto Tamanduá Mirim 2 Energia, informou a Eletrobras em comunicado ao mercado na última terça-feira, 26 de janeiro.

A maioria das participações adquiridas giraram entre 0,02% e 0,1% dos papéis das SPEs, a não ser pela Tamanduá Mirim, que teve 17% do seu capital comprado pela estatal. A etapa seguinte será a incorporação das mesmas pela Chesf, processo condicionado à obtenção das aprovações e autorizações regulatórias e administrativas aplicáveis.