Ilha Solteira e Três Irmãos continuam operando, afirma ONS

Nível de reservatórios referem-se à cota para funcionamento da Hidrovia Tietê-Paraná e não ameaçam a operação das duas usinas

O Operador Nacional do Sistema Elétrico informou em nota que os dados que constam no site do reservatório da UHE Ilha de Solteira (3.444 MW, SP/MS) têm como referência o volume útil, definido na outorga da Agência Nacional de Águas, que considera a cota de 323 metros para não interromper o funcionamento da hidrovia Tietê-Paraná.

“O valor de 0% registrado hoje no site do ONS significa que o volume de água já atingiu esta cota mínima para utilização da hidrovia, porém isso não significa que o reservatório da usina esteja vazio”, destacou o operador em resposta a diversas notícias de que a usina estaria próxima de ser desligada.

E continuou ao afirmar que se considerar o nível mínimo de projeto, cuja a cota é 314 metros, o reservatório encontra-se com 56,72% do seu armazenamento. Inclusive, recentemente, a CREG autorizou a redução do nível da cota da UHE para atendimento ao subsistema Sul que estava com nível 10 pontos porcentuais abaixo do esperado. Além disso, está autorizado a chegar à cota de 314 metros.

O mesmo acontece para o reservatório da UHE Três Irmãos (807,5 MW, SP) que está com 1,98% do volume, quando considerada a cota de operação definida de 323 metros. No entanto, a CREG também autorizou a utilização até o limite mínimo de operação energética, que no caso de Três Irmãos é de 319,77 metros. Se considerarmos essa cota, o volume do reservatório estaria em 36%.