Olá, esse é um conteúdo exclusivo destinado aos nossos assinantes
Para continuar tendo acesso a todos os nossos conteúdos, escolha um dos nossos planos e assine!
Redação
de R$ 47,60
R$
21
,90
Mensais
Notícias abertas CanalEnergia
Newsletter Volts
Notícias fechadas CanalEnergia
Podcast CanalEnergia
Reportagens especiais
Artigos de especialistas
+ Acesso a 5 conteúdos exclusivos do plano PROFISSIONAL por mês
Profissional
R$
82
,70
Mensais
Acesso ILIMITADO a todo conteúdo do CANALENERGIA
Jornalismo, serviço e monitoramento de informações para profissionais exigentes!

A Agência Nacional de Energia Elétrica decidiu suspender, a partir de 16 de maio de 2024, a operação comercial das unidades geradoras UG01, UG02 e UG03, da UTE Termopernambuco, com potência instalada de 532,76 MW, no Município de Ipojuca, no estado do Pernambuco, outorgada à Termopernambuco S.A.

A solicitação da suspensão da operação comercial de todas as unidades geradoras da UTE Termopernambuco, a partir do dia 16 de maio de 2024, é decorrente do Termo Final do Contrato de Suprimento de Combustível firmado entre Petrobras e Termopernambuco, com interveniência da COPERGAS, no âmbito do Programa Prioritário de Termeletricidade (PPT), finalizado em 15 de maio de 2024.

A Aneel autorizou ainda a operação comercial, a partir de 28 de junho, as UG1 a UG3, da UTE Sucundurí – Powertech, com 0,56 MW de capacidade instalada. O empreendimento está localizado no município de Apuí, no estado do Amazonas, de titularidade da Powertech Engenharia Serviços e Locações De Geradores De Energia, Máquinas e Equipamentos S.A.