Cade aprova venda da Celg para Enel sem restrições

Distribuidora foi comprada por R$ 2,1 bilhões no fim de novembro

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica aprovou sem restrições a venda da Celg (GO) para a Enel Brasil S.A. O aval foi publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira, 27 de dezembro. O leilão da Celg, que vem sendo administrada desde 2014 pela Eletrobras, foi realizado no último dia 30 de novembro. A Enel saiu-se vitoriosa com um lance de R$ 2,187 bilhões, sendo o único apresentado na disputa, porém representando um ágio de 28,03% sobre o preço mínimo estabelecido.

O grupo italiano Enel já controla outras duas distribuidoras no país: a Enel Distribuição Rio (RJ) e a Enel Distribuição Ceará (CE), antigas Ampla e Coelce. A unificação dos nomes faz parte de um posicionamento estratégico global adotado pela empresa.