UHE Salto Apiacás está apta a emitir debêntures de infraestrutura

Usina da EGP terá 45 MW de potência e será construída no município de Alta Floresta, no estado do Mato Grosso

A hidrelétrica Salto Apiacás, da Enel Green Power, foi classificada como projeto prioritário pelo Ministério de Minas e Energia e, portanto, está apta a emitir debêntures de infraestrutura. A futura usina, localizada no município de Alta Floresta, no estado do Mato Grosso, terá 45 MW de potência instalada. Também receberam o benefício os parques eólicos Paraiso dos Ventos do Nordeste (RN -30 MW), da Cutia Empreendimentos Eólicos; e Ventos de Santo Onofre IV (PI – 30 MW), do Salus Fundo de Investimento em Participações. As informações constam na edição do Diário Oficial da União da última segunda-feira, 7 de março.
 
Ainda segundo o DOU, o ministério indeferiu o requerimento da AES Tietê para aprovação do projeto de melhoria da pequena central hidrelétrica São José como prioritário. Não constam explicações sobre os motivos do indeferimento.