MME enquadra UTE Termoirapé I junto ao Reidi

Ministério também autorizou outros dois projetos, um de reforços de instalações e linhas de transmissão e o lote 20 do leilão 13/2015

O Ministério de Minas e Energia autorizou na última terça-feira, 8 de agosto, o enquadramento ao Regime Especial de Incentivos ao Desenvolvimento da Infraestrutura da central geradora termelétrica denominada Termoirapé I, que compreende uma unidade de 50 MW de capacidade instalada. A usina está localizada no município de Grão Mogol (MG) e o período de execução do projeto vai de dezembro de 2017 até o mesmo mês de 2019, demandando investimentos de R$ 325,9 milhões sem a incidência de impostos.

Outro projeto enquadrado pelo ministério é de reforços em instalação de transmissão de energia elétrica relativos às Subestações Gurupi e Miracema, de titularidade da Taesa e que compreende a implantação de diversos módulos de infraestrutura. Os empreendimentos estão localizados em Gurupi (TO) e no município de Miracema do Tocantins (TO). O período de cumprimento das obras vai de abril de 2017 até dezembro de 2019, e irá exigir investimentos de R$ 177,7 milhões sem a incidência de impostos.

Outro projeto autorizado junto ao regimento é relativo ao Lote 20 do Leilão nº 13 de 2015, que prevê o reforço e instalação de linhas de transmissão. O período de execução do projeto é de fevereiro de 2017 ao mesmo período de 2021 e o lote irá perpassar municípios da Bahia, Goiás e Minas Gerais, com investimentos na ordem de R$ 481 milhões sem a incidência de impostos.