MME enquadra projeto de geração da UTE Camaçari Muricy II junto ao Reidi

Ministério também autorizou projetos de reforços em subestações da Eletronorte e Furnas

O Ministério de Minas e Energia autorizou na última quinta-feira, 31 de agosto, o enquadramento ao Regime Especial de Incentivos ao Desenvolvimento da Infraestrutura do projeto de geração de energia elétrica da termelétrica Camaçari Muricy II, que compreende 70 unidades geradoras de 2.044 kW, totalizando 143,08 MW de capacidade instalada. A usina fica em Dias D’Ávila (BA) e a obra terá o prazo de execução de agosto do ano que vem até setembro de 2019. Os investimentos aplicados serão de R$ 256,3 milhões, sem a incidência de impostos.

O MME também enquadrou o projeto de reforços em instalação de transmissão de energia elétrica relativos à Subestação Vilhena, da Eletronorte, localizada no município de Vilhena (RO). O período de execução das obras vai de fevereiro de 2017 até o mesmo mês de 2019, demandando investimentos de R$ 48,3 milhões sem a incidência de impostos.

Outro plano que recebeu autorização junto ao REIDI também é de reforços em instalações elétricas, no caso na subestação Gurupi, de titularidade de Furnas nos municípios de Gurupi (TO) e Minaçu (GO). O projeto tem período de cumprimento de maio de 2017 até novembro de 2010 e irá demandar investimentos na ordem de R$ 124,9 milhões.