Fitch atribuiu ratings ‘AAA(exp)(bra)’ para emissões de projetos da Sterlite

Emissões de projetos Arcoverde e SE Vineyard somam R$ 300 milhões

A Agência de classificação de risco Fitch Ratings atribuiu nesta sexta-feira, 20 de setembro, Rating Nacional de Longo Prazo ‘AAA(exp)(bra)’ à proposta de segunda emissão de debêntures da Arcoverde Transmissão de Energia S.A. O projeto é da Sterlite e a transação de R$ 52 milhões, será emitida em série única, com vencimento em 2042. A Agência também atribuiu a mesma nota de ratings para a emissão de R$ 250 milhões da SE Vineyards Transmissão de Energia, que também é da Sterlite.

De acordo com a agência, o rating da emissão de debêntures da Arcoverde reflete o estágio operacional do projeto e a relativamente baixa complexidade da operação, da manutenção e dos investimentos ao longo da vida útil do ativo. O rating também reflete a estrutura legal e regulatória do setor elétrico brasileiro, associada à natureza do segmento de transmissão de energia e a elevada diversificação das contrapartes, o que caracteriza o risco de contraparte como sistêmico.

Na SE Vineyards, o rating também reflete o estágio operacional do projeto e a relativamente baixa complexidade da operação. As debêntures serão seniores e pari passu com o financiamento do Banco do Nordeste do Brasil, apresentam restrições para distribuição de dividendos e terão uma conta reserva de seis meses.

Segundo a agência, uma ação de rating negativa na Arcoverde pode vir dos níveis de disponibilidade consistentemente abaixo de 97,5% ou de custos substancialmente maiores que R$ 4 milhões nos próximos 12 meses. Já na Vineyard, uma ação negativa na nota pode vir de uma mudança na visão da Fitch quanto à qualidade de crédito dos garantidores até o completion do projeto, de níveis de disponibilidade consistentemente abaixo de 97,5% após o completion e de custos anuais 20% acima de R$ 4,5 milhões após o completion.