A-6: energia eólica é negociada abaixo de R$ 100/MWh após 3h de leilão

Eólica encosta, negociada a R$ 98,8/MWh, deságio de 47,68%

O preço da energia solar no leilão A-6 atingiu a faixa de R$ 84/MWh nesta sexta-feira, 18 de outubro, apresentando um deságio de 59,78% em relação ao preço teto de R$ 209/MWh. Até o momento, a fonte eólica apresenta deságio de (-47,68%, cotada a R$ 98,88/MWh), térmica (- 30,71%, cotada a R$ 202,33/MWh) e hidrelétrica (-16,60%, R$ 237,7/MWh).

O certame segue sendo realizado e já alcança 3 horas de duração. Em junho desse ano, a fonte fotovoltaica chegou a negociada a R$ 64,99/MWh no leilão A-4. Para esse leilão, foram habilitados 1.541 projetos pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE), somando 71,3 GW de potência.

Em agosto de 2018, o leilão A-6 contratou 835 MW médios, ao preço médio de venda de R$ 140,87/MWh, representando um deságio 46,89% sobre os preços iniciais. Foram contratadas 62 usinas, adicionando 2.100 MW de capacidade instalada, com investimentos estimados R$ 7,68 bilhões.