MME institui Enel Cien ao serviço público de transmissão

Instalações de interconexão Garabi I e II convertem e transmitem energia para dentro e fora do país

O Ministério de Minas e Energia designou a Enel Cien como responsável a prestar Serviço Público de Transmissão de Energia Elétrica, com vistas a garantir a continuidade de funcionamento das subestações conversoras Garabi I e II (RS), um ativo estratégico para a integração energética do Mercosul, visto que a companhia converte e transmite energia do Brasil para a Argentina e Uruguai, e vice-versa. A decisão foi publicada nessa sexta-feira, 19 de junho, por meio da Portaria nº 245.

Os empreendimentos de posse da Enel contemplam quatro linhas de transmissão, somando cerca de 974 quilômetros, e passam agora a serem considerados na Receita Anual Permitida definida pela Aneel. A empresa havia requerido a prorrogação dos prazos das referidas outorgas, o que foi indeferido pelo ministro Bento Albuquerque, classificando as instalações nos padrões do serviço público.