Eneva anuncia declaração de comercialidade de campo na Bacia do Parnaíba

Acumulação será chamada de Campo Gavião Carcará

A Eneva anunciou em comunicado ao mercado nesta sexta-feira, 26 de fevereiro, a declaração de Declaração de Comercialidade da acumulação Fortuna, descoberta no Bloco PN-T-102A, na Bacia do Parnaíba. A empresa solicitou à Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis que a acumulação Fortuna receba o nome de Campo Gavião Carcará. A partir da Declaração de Comercialidade, a Companhia tem até 180 dias para apresentar à ANP o Plano de Desenvolvimento do campo.

O campo é o décimo campo na Bacia do Parnaíba a ser declarado comercial pela Eneva. Já foram comprados 66 quilômetros de sísmicas 2D sobre a estrutura e perfurados dois poços, o descobridor e um segundo poço de extensão. A estimativa de gas-in-place de a acumulação se encontra entre o intervalo de 9,45 Bcm a 4,49 Bcm, sendo o volume estimado o Pmean, de 6,78 Bcm. Dois poços de extensão e 54 Km de sísmicas adicionais já estão planejados para completar a avaliação da descoberta.