CPFL tem projeto de transmissão enquadrado ao Reidi

Sistema foi arrematado no leilão de julho de 2014. Reforços na transmissão da TDG, no Ceará, também entram no Regime

O Ministério de Minas e Energia autorizou na última segunda-feira, 8 de junho, o enquadramento ao Regime Especial de Incentivos para o Desenvolvimento da Infraestrutura do Lote I do leilão de transmissão ocorrido em julho de 2014. O lote foi arrematado pela CPFL Transmissão Morro Agudo. Ele compreende os municípios de Morro Agudo e Viradouro, ambos em São Paulo. As obras tiveram início em 27 de março de 2015, e têm previsão de término para 26 de setembro de 2017. O projeto tem uma demanda de R$ 107,2 milhões, sem impostos.

Ainda foram enquadrados ao Reidi os reforços na transmissão da TDG – Transmissora Delmiro Gouveia, no município de Aquiraz (CE). Módulos de infraestrutura, conexão, e instalação de transformadores serão complementados no projeto, que tem o período de execução de obras entre 24 de outubro de 2014 a 24 de maio de 2016. O empreendimento recebe R$ 13 milhões em investimentos, sem a contabilização de impostos.