Petrobras inicia processo de venda de ativos de gás natural

Empresa iniciou a divulgação para a venda da Gaspetro e a totalidade de campo na Bacia de Santos

A Petrobras iniciou a etapa de divulgação da oportunidade, chamada de teaser, referente à venda da totalidade de sua participação de 51% na Gaspetro e outra referente à venda da totalidade de sua participação nos campos de Merluza e Lagosta, localizados em águas rasas na Bacia de Santos.
A Gaspetro é uma holding com participação societária em diversas companhias distribuidoras de gás natural e localizadas em todas as regiões do Brasil. Em 2019, o volume total de gás distribuído nessas empresas foi de 29 milhões m³/dia, atendendo cerca de 500 mil clientes, através de uma rede de distribuição de mais de 10 mil km de gasodutos. Seu quadro societário é formado pela Petrobras, com 51% das ações, e pela Mitsui Gás e Energia do Brasil, que detém os 49% restantes das ações.
Já na Bacia de Santos os campos à venda estão operando desde 1993, inclusive a plataforma fixa de Merluza (PMLZ-1), localizada em lâmina d’água de 135 metros, é a mais antiga em operação nessa bacia, foi instalada para a produção de gás natural e condensado do campo. Desde abril de 2009 a unidade marítima também é responsável pela produção de gás natural e condensado do campo de Lagosta. A produção média dos campos, em 2019, foi de 3,6 mil boe/dia. Nesse caso, a Petrobras é a concessionária exclusiva de ambas as concessões.
O teaser, que contém as principais informações sobre a oportunidade, bem como os critérios de elegibilidade para a seleção de potenciais participantes, está disponível no site da Petrobras e pode ser acessado ao clicar aqui.