Obras avançam e UHE São Roque desce primeiro rotor

Marco na montagem eletromecânica da usina de 142 MW em SC teve uma antecipação de mais de 15 dias

A hidrelétrica de São Roque, localizada no Rio Canoas, entre os municípios catarinenses de Vargem e São José do Cerrito, promoveu na manhã desta terça-feira, 3 de agosto, a descida do rotor de geração da primeira turbina, importante marco da montagem eletromecânica da usina, que terá capacidade instalada de 142 MW, sendo atualmente o maior projeto hidrelétrico em implantação no Brasil.

O evento acontece com uma antecipação de mais de 15 dias em relação ao cronograma original, que prevê a entrada da operação comercial do empreendimento para julho de 2022, com o reservatório abrangendo também os municípios de Brunópolis, Curitibanos e Frei Rogério, além da linha de transmissão para Abdon Batista.

(foto: Rodrigo Holtermann)

As obras da UHE foram retomadas no início deste ano com aporte de recursos próprios do acionista, José Antunes Sobrinho, sendo fechada a operação de crédito que permitirá novo avanço substancial para a usina, com R$ 1,1 bilhão em investimentos.

De janeiro até agosto foram mobilizadas cerca de 400 colaboradores para os trabalhos, número que será incrementado à medida em que novas frentes de obra sejam retomadas, devendo atingir 650 a 700 a partir de setembro. Quando concluída, São Roque vai gerar royalties de cerca de R$ 4 milhões/ano durante todo o período de concessão, metade revertidos aos municípios.