Tarifa da Light vai subir 14,68% em média

Impacto médio para consumidores em baixa tensão é de 15,53%

As tarifas da Light vão aumentar em média 14,68% a partir desta terça-feira, 15 de março. O efeito médio por grupos de consumidores será de 12,89% na alta tensão e de 15,53% na baixa tensão.

As novas tarifas são resultantes do processo de revisão tarifária da distribuidora, aprovado hoje pela Agência Nacional de Energia Elétrica. Encargos setoriais, com 6,78%, e custo da energia, com 5,13%, foram os itens que mais contribuíram para o resultado. O custo de distribuição teve participação de 3,82%, enquanto o de transmissão caiu 2,45%.

No processo de revisão, a Aneel estabeleceu uma trajetória de perdas comerciais sobre o mercado de baixa tensão que começa em 40,04% em 2023 e chega a 2026 com 37%. Já o limite estabelecido para as perdas técnicas sobre a energia injetada será de 6,86% no período. A light fornece energia para 4 milhões de clientes em 31 municípios do Rio de Janeiro.